sábado, 5 de novembro de 2011

Gramado 03

E depois de muito tempo sem internet, finalmente ela foi restabelecida em minha residência. E com isso eu vou poder colocar o blog em dia. Nossa, tem tanto post para fazer, tanta novidade, tantas histórias para contar...

Os posts estão bem atrasadinhos, e para não ficar embolando tudo, vou seguir a seqüência dos acontecimentos. Daí nós voltaremos para o começo do mês passado (Outubro) para dar continuidade aos posts sobre minha viagem para Gramado - RS (juro que na minha próxima viagem eu farei os posts simultaneamente).

No terceiro dia, fizemos o City Tour (Gramado e Canela), onde pudemos conhecer um pouco mais das duas cidades. O passeio durou o dia todo, mas não é nem um pouco cansativo. 

A primeira parada foi na "O Reino do Chocolate” (Espaço temático e loja da Caracol Chocolates), onde conhecemos, de forma lúdica, a história do chocolate pelo mundo e  seu preparo.
Primeira foto: Entrada do " O Reino do Chocolate". Segunda foto: Maior coelho de chocolate do mundo.
Depois de ficar louca na loja, com tanta variedade de chocolate, formas, cores, sabores (saí de lá cheia de sacolas repletas de chocolatinhos) fomos para a Dreamland Museu de Ceralocalizado em Gramado. Ele segue a linha do Museu de Cera da Madame Tussauds (lógico que não iriei compará-los), sendo que algumas peças foram doadas para o nosso Museu Brazuca. 

Ele é o primeiro projeto do gênero a apresentar ícones do cinema, da cultura pop e personalidades em toda a América Latina.  Bom, foi exatamente no final desse passeio que minha câmera fotográfica caiu no chão e quebrou o bloco ótico. Uma tristeza só!

Mas não iria deixar que isso acabasse com minha viagem né?! O passeio continua e as fotos foram tiradas pelas câmeras dos aparelhos celulares. Então...a imagem não vai ter mais a mesma qualidade da minha máquina. 

Bom, no subsolo do Museu está localizada o Bar/Museu Harley Moto Show, que de dia funciona como Museu e a noite como um Bar. Para todos os públicos, amantes ou não de motocicletas. 

De lá, seguimos para o Mundo à Vaporparque temático que reconstitui a época em que a força motriz do desenvolvimento era a energia proveniente do vapor. Na entrada há a  reconstituição de um acidente ferroviário ocorrido em Paris, em 1895, quando uma locomotiva desgovernada cruzou a Estação de Montparnasse e precipitou-se de 12 metros de altura, ficando pendurada. 
Lá podemos conhecer a única réplica de um relógio a vapor, funcionando com exatidão, cuja original está no Canadá; fazer um pequeno passeio de trem,  puxado por uma linda locomotiva movida a vapor, dentre outras diversas atrações, tudo movido a vapor. 

O passeio continua e nos dirigimos para o lindíssimo Parque do Caracol. Local exuberante,    com belezas naturais, onde está localizado a Cascata do Caracol, queda livre de uma altura de 131 metros de rochas de formação basáltica, formando uma paisagem majestosa e impactante, trilhas ecológicas (onde podemos apreciar a fauna e flora local), mirantes com vista para todo o vale e para a Cascata do Caracol e escadarias até a base da Cascata, dentre outras atrações e atividades.

Saímos de lá e fomos almoçar no centro de Canela, onde está localizada a  Catedral Nossa Senhora de Lourdes, também conhecida como Catedral de Pedra. 
Voltamos para Gramado, para visitar o Museu Gramado - Minerais e Pedras Preciosas. Ele se caracteriza por armazenar uma coleção de espécies representativas de extrações nacionais e outros continentes. Lá você encontra peças brutas e lapidadas; peças sofisticadas para decoração, dentre outras peças feitas com as rochas/pedras.

O passeio inclui a ida ao Mini Mundo, já tinha feito esse passeio em uma viagem anterior a Região e particularmente achei meio chatinho, meio sem graça, mas essa é a minha opinião, então se vocês forem a Gramado, visitem o Mini Mundo e tirem suas próprias conclusões. Com isso, eu e o love, ficamos esperando do lado de fora do parque e resolvemos tirar fotos com uma linda árvore florida em frente ao Parque. 
E passeio estava chegando ao fim, e nossa última parada foi no Lago Negro, cuja história é bem interessante. O Lago Negro foi construído por Leopoldo Rosenfeldt, após um incêndio que destruiu uma grande extensão de mata na região conhecida na época como Vale do Bom Retiro. Para decorar suas margens, utilizou mudas de árvores provenientes da Floresta Negra da Alemanha, daí a denominação: Lago Negro. Suas águas profundas espelham os pinheiros que se alternam com as azaleias na primavera e as hortênsias no verão. Passeio super romântico!!!! 
Sem palavras para a beleza do lugar. Eu recomendo, caso alguém vá em Gramado, fechar os dois pacotes da CVC que eu fechei: City Tour (Gramado e Canela) e o Tour Uva e Vinho. Claro que tem um monte de outros passeios, mas eu só posso falar dos que eu fiz.

À noite, resolvemos comer um Sequência de Fondue na Pedra (Queijo, Carnes e Chocolate) no C'est Mieux de la Fondue Restaurant  Uma delícia, muito bem servido( você ainda podia pedir para o garçom trazer mais coisas, ou repetir o fondue de sua preferencia), claro que comemos de nos empanturrar e a pancinha só aumentava. kkkk 
Toda essa comilança regada a um bom vinho.

Acabou que eu falei de todo o passeio e nada dos looks né??? É aquela história, você tem que ser uma cebola, cheia de camadas, para ao longo do dia, caso as temperaturas subam, você ir tirando as peças. 

Para os dois looks escolhi a mesma calça e a mesma bota (oh pessoa mais sem inspiração, rsrsrs), só mudei a parte de cima. Para o dia, escolhi regata branca, casaquinho verde com corações e  cachecol. A noite, um tricô laranja, bem quentinho e fofinho.

Créditos do 3º dia em Gramado:
Dia:

Calça: Renner;
Regata: Hering;
Casaco: Zé Paulino - SP;
Cachecol:Armário de minha mãe;
Bota: Zé Paulino - SP;
Óculos escuro: Renner.

Noite:
Calça: Renner;
Tricô: Armário de minha mãe;
Bota: Zé Paulino - SP;
Brinco: Comprei em algum Feira de moda aqui em SSA.

Um comentário:

  1. Que lugar incrivel.....amei seu look tb!
    Bjinhux
    www.saiaplissada.com

    ResponderExcluir